sexta-feira, 30 de março de 2007

Arquitectices

O Fusco mergulha no fantástico mundo da arquitectura e destaca dois projectos: um de carne e osso e outro vindo do mundo da imaginação, pronto a encher de orgulho os habitantes do reino de Sua Majestade.



A primeira nota vai para a conquista do milionésimo prémio pelo Arq. Álvaro Siza Vieira, com o Equipamento Desportivo Ribera-Serallo. Localizado em Barcelona, é composto por um pavilhão e uma piscina semi-coberta. Simplesmente fantástico, de uma elegância que se respira só de olhar para as imagens.


O outro destaque é dado ao projecto de ampliação da Tate Modern, em Londres. O novo edifício, todo em vidro e com 11 andares, tem um custo estimado de 316 milhões de euros. O saudável delírio criacional é da responsabilidade dos arquitectos suiços Jacques Herzog e Pierre de Meuron. O director da Tate espera que a construção esteja de pé a tempo dos Jogos Olímpicos de 2012.

2 comentários:

Ceição disse...

Barcelona ou londres, o que é que escolhes?

Lusco Fusco disse...

Londres. Definitely!