quarta-feira, 7 de março de 2007

TV mostra primeiros cabelos brancos


No dia em que completa 50 anos, o Fusco-Lusco dá os parabéns à RTP por cinco décadas a enviar imagens e sons através de uma caixa de sonhos. Da linguagem binária do preto e branco à paleta multicolorida, muitos foram os programas que povoaram o nosso imaginário, disparando imagens que para sempre farão parte da nossa (boa) memória.
O Fusco deixa o desafio à blogosfera: digam quais os momentos televisivos mais marcantes desta estação televisiva ao longo da vossa vida de espectadores refastelados no bom do sofá. Quanto a nós, ficamo-nos por seis memórias.
1. Conan, O Rapaz do Futuro - e outras séries de bonecos onde andava sempre alguém à procura da mãe (ou de outra coisa qualquer)


Definitivamente, estes desenhos animados marcaram o imaginário do Fusco. Ainda há pouco, após o visionamento do primeiro DVD da série completa, voltámos a sentir um frenesim louco a trespassar-nos a barriga. Aquele tsunami gigante ainda nos visita por vezes em sonhos, assim como as negras e futuristas torres susensas sobre as águas mortas. Muitas fobias e medos foram ganhos aqui.
E já repararam que por esta altura andava sempre alguém à procura da mãe ou de outra coisa qualquer)? Ele era o Marco, ele era o Bell e o inseparável Sebastião, ele era uma infinidade de bonecos que desde cedo aprendeu a lidar com a cisão familiar. Pior do que isso ficou o Bambi, que perdeu a mãe quando ainda usava fralda.
2. Vasco Granja


Enquanto esperávamos ansiosamente por mais um episódio de Tom & Jerry ou de Bugs Bunny, um senhor de cabelo branco, muitas vezes de peluche na mão, falava na nova vaga de animação polaca, russa ou de um país que até então nunca tínhamos ouvido o nome. Vasco Granja terá sido, com os seus programas de desenhos animados, o primeiro grande contacto de muito boa pequenada com o mundo da intelectualidade. Um senhor.
3. Verão Azul


A série juvenil responsável por muitas depressões em adolescentes. No início eram umas férias de sonho, como amores e amizades que iriam durar para sempre. Quando a série terminou o pescador simpático bateu a bota, os amigos e amantes separaram-se e os primeiros prozac`s começaram a ser desejados por uma juventude portuguesa em choro compulsivo.
4. Espaço 1999


Com esta série penetrámos irremediavelmente num universo superior, onde os sonhos passaram a acontecer à velocidade da luz. A partir de então, o céu passou a ser o limite.
5. Tv Rural



Enquanto esperávamos pelo começo dos bonecos animados de tigela de flocos na mão, Sousa Veloso corria o país de norte a sul mostrando a boa agricultura que alimentava a Lusitânia. Poucos foram os miúdos a quem, na altura, não passou pela cabeça seguirem a vida de agricultor. Foram, de facto, tempos inesquecíveis.
6. O Tal Canal


A melhor série humorística feita em Portugal, que pintou de todas as cores um país habituado a ser sempre sisudo. Marcante e irrepetível.

5 comentários:

Ceição disse...

Alguém se lembra dos"Pequenos Vagabundos"?

alexmanuela disse...

Lembro-me, mas como era muito infantil, curti mais o "Verão Azul.."

Fusco quando tu andavas na primária e eu dava os primeiros passos na noite (comecei tarde!), jamais ela se iniciava sem primeiro, de forma religiosa, assistir ao "tal canal"..

alexmanuela disse...

ha..e adorava a "TV rural" (verdade!), via o vasco Granja religiosamente e nunca perdi um único episódio de "Espaço 1999"!
Bjos

Miguel Almeida disse...

Bem, este post é mesmo de cota (e os comentários 'tão a condizer...) mas vá lá... Apesar dos meus (ainda) 21 anos, também vou alinhar no desafio, destacando aqui alguns dos que me lembro (e que duma forma ou doutra deixaram marcas):

(sem ordem especial)

1. Abelha Maia : ))
2. Espaço 1999, claro...
3. O Holocausto (que provocou estragos irremediáveis no hemisfério esquerdo...)
4. Galactica
5. O Passeio dos Alegres
6. Os filmes do Fred Astair e da Ginger Rogers
7. Os jogos de futebol, uma vez por semana
8. O Pantanal
9. Os programas do Herman [naquela época em que ainda tinham piada...]
10. Era uma vez o Homem

...

e mais uns quantos que agora não me lembro... : )

All in all, o balanço é positivo. Parabéns, RTP (!)

Cheers!

Mariozul disse...

Opá tanta coisa marcou a minha carreira de telespectador...
Assim de repente, aqueles q me lembro melhor:

- Campeonato Mundial de 1982 (maldito Paolo Rossi)
- Todas as séries de "Era uma vez...(o corpo humano, o espaço, a vida, etc.)"
- Buck Rogers
- Galactica
- Contos da Floresta Encantada (não sei se é mesmo este o nome... era o desenho animado dos esquilos)
- os Jogos Sem Fronteiras
- a série The Dukes of Hazard